5 dicas de marketing digital para pequenas empresas

O marketing digital se tornou o principal recurso para divulgação de produtos, serviços e marcas, devido ao fato de que as pessoas estão cada vez mais conectadas.

Quando acessamos a internet, percebemos que há uma enorme quantidade de respostas, anúncios e links para as mais diversas dúvidas que temos.

Isso acontece porque as empresas utilizam diferentes estratégias para atrair o consumidor e oferecer uma solução para ele.

Além de ser, atualmente, o melhor caminho para chegar até os consumidores, o marketing digital é bastante democrático, pois permite que cada negócio trabalhe com ele dentro de suas possibilidades.

Mesmo investindo pouco, é possível atingir ótimos resultados, mas claro, desde que seja tudo bem planejado. O planejamento é importante porque ele te ajuda a traçar uma meta, conhecer o seu público e com isso escolher os melhores caminhos.

Tudo no marketing digital tem como objetivo o direcionamento, para que os consumidores enxerguem as soluções que uma marca oferece, atendendo às necessidades deles.

Ter a sua empresa conectada é uma necessidade hoje em dia, por isso, neste artigo, vamos explicar o que é marketing digital, suas vantagens e dar exemplos das melhores práticas. Confira.

Entenda o que é Marketing Digital

Marketing Digital é um conjunto de ações que as organizações colocam em prática no ambiente on-line, usando diferentes práticas nos mais diversos canais, por exemplo:

  • Sites;
  • Blogs;
  • Redes Sociais;
  • E-mail;
  • Entre outros.

Hoje em dia, é a maneira mais relevante de se comunicar com o público diretamente, de maneira personalizada e no momento mais oportuno. O objetivo é sempre levar até as pessoas a solução que elas procuram.

A melhor vantagem desse tipo de marketing é que cada empresa pode usar os recursos que tiver disponível e atingir excelentes resultados.

Em outras palavras, isso significa que uma pequena loja de roupas pode ter tanto sucesso no meio digital quanto uma grande fabricante de meio fio de concreto. Mas isso depende de um bom planejamento.

Para dar certo, algumas estratégias devem ser colocadas em prática, como o Search Engine Optimization (SEO), Inbound Marketing, e-mail marketing, etc.

É por meio delas que a marca consegue se fortalecer no mercado, aumentar o número de vendas e ainda pode calcular todos os retornos dos investimentos feitos para saber quais ações são melhores para alcançar os objetivos.

É por conta dessas características que o Marketing Digital tem as melhores vantagens em comparação ao marketing off-line. Então, vamos demonstrá-las no tópico a seguir.

Conheça as vantagens do Marketing Digital

A internet mudou a maneira como compramos e por isso a maneira de fazer marketing precisou passar por algumas adaptações, e isso afetou todas as marcas em absoluto, como uma empresa que instala sacadas de vidro.  

Só que ele traz muitas vantagens, por exemplo, por meio do marketing digital, as organizações conseguem interagir melhor com o seu público, e é por isso que ele é cada vez mais adotado.

A cada campanha, ação e publicação, os consumidores podem interagir comentando e opinando, o que aumenta o engajamento deles com as empresas. É por isso que toda marca deve sempre buscar aprimorar a maneira como se comunica.

Outra vantagem é a facilidade para analisar e mensurar cada estratégia colocada em prática, o que ajuda a melhorá-las continuamente.

Por exemplo, uma empresa de gestão condominial consegue calcular o seu ROI (retorno sobre investimentos), e também o seu CAC (custo de aquisição de clientes) em tempo real.

É dessa forma que as falhas são identificadas, o que permite melhorias para atingir os objetivos em menos tempo.

O marketing digital também diminuiu a distância entre as companhias e seus clientes, o que significa que mesmo um pequeno negócio que começou agora pode vender para pessoas que estão em outras cidades e até em outros países.

É uma vantagem tanto para o cliente quanto para a empresa, pois os consumidores podem conhecer marcas com as quais se identificam enquanto as organizações têm mais oportunidades de negócios.

Além de os negócios poderem falar com um número maior de pessoas, eles vão dialogar com as pessoas certas, ou seja, aquelas que realmente se interessam pelo produto ou serviço que eles vendem.

Por exemplo, alguém que precise de serviço de terraplenagem vai falar com aquelas empresas que fazem esse trabalho. Isso é ótimo porque há uma maior economia de dinheiro e a oportunidade que as marcas precisam para conhecer melhor seu público.

Veja quais são as melhores estratégias

Para que as estratégias funcionem, é importante que o negócio faça um planejamento de pequenos investimentos e ideias para fazer a cartela de clientes crescer.      

Assim, é possível posicionar melhor a marca, atrair clientes e qualificá-los do jeito certo. E dentre as melhores práticas para isso estão:

1.    Marketing nas Redes Sociais

As redes sociais se popularizaram muito e estão presentes na vida de muitas pessoas. Por isso, elas se tornaram um importante canal de relacionamento entre empresa e cliente.

Só que não basta apenas criar um perfil, é necessário fazer publicações regularmente para que a marca esteja sempre presente no dia a dia de sua audiência.

Uma empresa de sistema de segurança eletronica pode fazer isso pelo Facebook, mas também em outras plataformas como Instagram, Twitter, YouTube, LinkedIn, etc.

Isso não significa que o seu negócio deva trabalhar com todas elas, apenas onde o seu público está, o que ajuda a obter bons retornos em conversões e vendas.

Um bom exemplo de uso desses canais é uma empresa postar um novo conteúdo em seu blog e compartilhá-lo no Facebook. Além de atualizar o perfil, vai direcionar as pessoas para outro canal, melhorando seu tráfego.

2.    SEO

O Search Engine Optimization vai otimizar as páginas do seu site para que elas apareçam entre os primeiros resultados da pesquisa.

Para colocá-lo em prática, é preciso criar um site atrativo e que carregue rapidamente. Além disso, ele precisa ser otimizado, para que possa ser acessado por qualquer tipo de dispositivo.

Outro exemplo é que ele tenha boa usabilidade, inclua chamada para ação (CTA) e seja otimizado para os dispositivos móveis.

3.    Marketing de Conteúdo

O marketing de conteúdo consiste na criação de materiais relevantes que entreguem valor para o seu público-alvo.

Para isso, é preciso pesquisar as palavras-chave mais usadas pela sua audiência ao fazer uma pesquisa, por exemplo, “estudos de impacto ambiental”. Dessa forma, fica mais fácil saber sobre o que escrever.

Um exemplo prático é usar o Planejador de Palavras-chave do Google AdWords e o Google Trends, para saber quais termos os consumidores usam para pesquisar assuntos relacionados às soluções que o seu negócio oferece.

4.    E-mail Marketing

O e-mail marketing é uma estratégia que vale a pena e é por isso que toda empresa precisa investir nela. Para trabalhar com essa ação, é preciso construir uma lista de e-mails.

A construção acontece quando, por exemplo, uma empresa de contabilidade em São Paulo oferece materiais, como e-books, em troca de alguns dados de seus visitantes, como nome e e-mail.

A partir disso, ela estabelece um relacionamento com eles e faz o que chamamos de nutrição de leads. O e-mail marketing ajuda a nutrir esses leads, até que eles estejam prontos para a compra.

5.    Link Building

O Link Building ajuda a mostrar aos sites de busca, como o Google, que o site da sua empresa é relevante e tem boa reputação.

Para você entender melhor essa estratégia, podemos citar como exemplo uma empresa que mencionou a sua marca em seu próprio conteúdo por meio de um link.

Só que eles também devem estar presentes em sites de boa reputação, e quanto mais uma marca se utiliza dessa prática, mais a sua página se torna relevante.

É uma maneira de provar que tudo o que é postado tem relevância suficiente para responder às dúvidas dos usuários.

Assim, há mais chances de o site ou blog de uma empresa de projeto de instalações elétricas, por exemplo, aparecer entre os primeiros resultados.

O ideal é que você procure uma marca que complemente a sua no que faz, para criar conteúdos em um trabalho conjunto, que vai beneficiar os dois lados.

Conclusão

Como você viu, o Marketing Digital oferece diferentes estratégias para que as organizações atinjam seus objetivos, independentemente de qual seja.

Além dessas estratégias que mostramos aqui, sua empresa pode usar diversas outras, mas desde que haja planejamento e metas bem estipuladas.

Não se esqueça de mensurar os resultados, pois é assim que você vai identificar as ações que deram certo e as que devem ser deixadas de lado ou melhoradas.

É dessa forma que o seu negócio vai aproveitar o principal jeito de fazer marketing hoje em dia.    Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.